Automação de marketing: fidelize seus clientes e venda mais

No mundo do marketing online são trabalhadas diversas estratégias diferentes para impactar os usuários. Com tantos caminhos a seguir, é importante que você consiga otimizar seus esforços. Por isso, a estratégia de automação de marketing é muito explorada pelas marcas. Ficou curioso para saber mais sobre? Então vem que a gente vai te explicar tudo sobre.

O que é automação de marketing?

A automação de marketing consiste no uso de ferramentas para impactar usuários e construir uma aproximação entre eles e a sua marca. Isso é feito através de conteúdos planejados e direcionando-os de acordo com o interesse do público. Para entender o interesse desse público, é importante que você colete dados e análise de forma a direcionar os tipos de comunicação que devem impactar estes.

Imagina você conseguir impactar muitas pessoas com discursos personalizados para cada pessoa, de acordo com seus interesses e perfil de compra? Seria lindo, não? Pois esse é o segredo da automação de marketing. Através dela, você constrói uma trilha a ser seguida pelo usuário, impactando com conteúdos relevantes, criando um vínculo entre ele e a sua marca, para então levar a uma compra.

Dessa forma, a comunicação se torna mais assertiva e eficaz, pois ela está centrada no interesse do usuário. Quando colocamos ele no centro das nossas estratégias, a comunicação faz mais sentido, gera interesse e cria vínculo. Por isso, se você está buscando aproximar a marca dos seus possíveis clientes, você deve investir em ferramentas para automação de marketing.

Elementos de uma estratégia de automação de marketing

Agora que você ficou empolgado pelas possibilidades da automação de marketing, vamos falar sobre como ela funciona na prática. A automação envolve o uso de ferramentas com esse propósito, além de conhecimentos relacionados ao segmento. O primeiro termo que vamos definir aqui é o Lead. É assim que são chamadas as pessoas que possuem um primeiro contato com a sua marca e aceitam receber comunicações da sua marca. Você pode capturar o contato desse lead ao solicitar o email da pessoa, comunicando que você enviará campanhas de marketing da sua empresa. A parte do consentimento é fundamental para a sua estratégia começar bem. Afinal, ninguém gosta de ser “incomodado”. Por isso, deixe claro que você está solicitando o email dele para contatos promocionais.

Com o contato do seu Lead, você deve colocar ele dentro da sua ferramenta de automação e inserir ele dentro de uma segmentação. Esse é outro termo imprescindível dentro da estratégia. A automação consiste em segmentar seus leads de acordo com os interesses dele, para então impactar com conteúdos relevantes. Por isso, você deve buscar alimentar a sua base com o maior número de informações. As ferramentas de automação costumam utilizar o Lead Tracking para fins de enriquecer o perfil do usuário dentro da base. Através de cookies, você mapeia o comportamento do usuário dentro do seu website, e as ações dele ajudam a compreender o seu perfil. Você deve estabelecer gatilhos em ações, como por exemplo, colocar um produto no carrinho. Se o usuário fizer isso, depois de um tempo, você pode enviar um email de abandono de carrinho, ofertando aquele mesmo produto, com uma mensagem de estímulo a compra, ofertando algum cupom de desconto.

Outra forma de atrair leads e engajá-los com a sua marca é através da produção de conteúdo rico. Afinal, a internet se popularizou por ser um ambiente de compartilhamento de conhecimento e aprendizado. Por isso, insira a sua marca e compartilhe conteúdos relevantes sobre a sua área de atuação. Além disso, através do interesse despertado pelo conteúdo, você passa a qualificar melhor seus leads, ao entender qual é o interesse da pessoa e como você pode ofertar mais conteúdos relacionados ao interesse desta.

Você também pode criar landing pages para captação de leads. Normalmente são disponibilizados ebooks, whitepapers ou webinars. O que você deve pensar é: seu material é atrativo o suficiente para que o usuário concorde em fornecer seu contato? Por isso, é importante que a sua comunicação tenha CTA ou Call To Action, para incentivar o usuário a interagir com a sua página.

Qual ferramenta de automação de marketing eu posso usar?

Em uma rápida busca você pode encontrar dezenas de ferramentas para automação de marketing diferentes. Vão desde opções internacionais, utilizadas por grandes empresas, até soluções nacionais, nas quais nestas você costuma encontrar suporte inclusive em português.

Vale reforçar que automação de marketing tem tudo a ver com nutrir e não com vender diretamente. É evitada a abordagem hard-sell em favor de conteúdo personalizado, relevante e alinhado com o que os clientes e possíveis clientes estão procurando.

E o que é ainda melhor: ao implementar um software de automação de marketing, o processo fica ainda muito mais fácil. Por exemplo, uma recém lançada solução de automação de marketing é a ferramenta da KingHost e foi construída para simplificar ainda mais uma das ferramentas mais conhecidas do mundo, o Mautic. Nela, você escolhe o plano que mais se adequa ao seu negócio em número de contatos e pode contratar online, fazendo a configuração da ferramenta em poucos passos. Caso tenha dúvidas durante o processo, existe uma Wiki à disposição para sanar questões relacionadas ao novo produto.

Não é a toa que 98% dos profissionais da área concordam que a efetiva automação de marketing é crítica para o sucesso das empresas a longo prazo. Isso torna o Brasil o 3º maior mercado de automação de marketing do mundo, segundo a Datanyze. Você não vai querer ficar de fora, né?

Categorias: Geral